person_outline



search

A perda

A dor é real
Acho que nunca chorei tanto a ponto de não conseguir sequer respirar.
Implorei a Deus para banir do meu coração o amor grandioso por vc
Pra esquecer do sabor dos seus lábios
Pra não lembrar mais do seu toque ou do calor do seu corpo.
Difícil é não ouvir a sua voz
Voz aquela que me fazia estremecer de alegria e paixão
Que tornava meus dias alegres.
Tentarei aqui sim.Superar a dor de não ter vc comigo.A dor de saber que um dia vc foi meu e que apesar de tudo tbm ainda me ama.Mas infelizmente não podemos ficar juntos.Dói ter sido tão incrivelmente feliz.Dói saber que vc está aí mas não posso ter ver, tocar ou sentir.Dói saber que existiu a possibilidade de termos uma vida juntos mas que o destino decidiu que não era o momento e nos afastou.
A dor é sim insuportável...
É o risco que eu corria qnd decidi te amar
É o risco que eu corri qnd te deixei penetrar não só no meu corpo mas tbm na minha alma.
Vc me tocou de verdade
E apesar da dor eu estou feliz de um jeito muito estranho por ter a certeza de que apesar de não estarmos juntos,optamos por nos permitir sermos felizes como estamos agora.
Tentar ser feliz apesar das pauladas que a vida nos deu
Apesar da dor que o sofrimento conjugal nos causou.
E tentar ser feliz apesar de tudo é ter a certeza ela fé quem dia morreu em mim e hoje vive graças a Deus e a vc
Obg anjo da minha vida...
E pra terminar um trecho do nosso grande elo perfeito e imperfeito Pablo
 
Dois amantes felizes não têm fim nem morte,
nascem e morrem tanta vez enquanto vivem,
são eternos como é a natureza.
 
Pablo Neruda
Pin It
Atualizado em: Sex 2 Out 2020

Deixe seu comentário
É preciso estar "logado".

Curtir no Facebook

Autores.com.br
Curitiba - PR

webmaster@number1.com.br

whatsapp  WhatsApp  (41) 99115-5222