person_outline



search

RETARDATÁRIOS

Há uma luz pálida sobre o meio-dia
que deixou para trás o cinza branco
desde às cinco, quando a cerâmica
da aurora revestiu o rodapé da linha.
Às quatorze sobraram apenas os cianos
da encosta que circundam os grafites
severos espalhados levemente por cima. 
O silêncio suspenso das paredes emana,
no entorno desta tarde quase mansa,
gritos sob o meu corpo em taquicardia
— e ressoa este sangue que não estanca
aquém do poema, do poeta e da poesia.
Pin It
Atualizado em: Qua 9 Jun 2021

Deixe seu comentário
É preciso estar "logado".

Curtir no Facebook

Autores.com.br
Curitiba - PR

webmaster@number1.com.br

whatsapp  WhatsApp  (41) 99115-5222