person_outline



search

NOSSA POUCA FÉ

A dor que paralisa
Desacelera a hora
Observa vagarosa
Os segundos contados
Entre lágrimas sem fim.

A fé era somente desespero
Confundida entre lamentações
Menor que um grão de mostarda
Na água só deu pra nadar
E bem longe observar
A montanha no mesmo lugar.

A dor despreza o tempo
O sol vai e vem
A lua sempre volta
E seguimos parados
Esperando sentados
O presente virar passado
E o futuro nunca chegar.
Pin It
Atualizado em: Seg 19 Out 2020

Deixe seu comentário
É preciso estar "logado".

Curtir no Facebook

Autores.com.br
Curitiba - PR

webmaster@number1.com.br

whatsapp  WhatsApp  (41) 99115-5222